Processo Seletivo 2023

Conceito Capes: 4

Possibilidade de bolsa Capes (DS): de acordo com o número disponível, classificação no processo seletivo e atendimento as exigências da Capes

Período de inscrição: 17/10/22 a 23/02/23

Matrícula: 06 a 09/03/23

Carga horária: 600h

Duração: 24 meses

Taxa de inscrição: R$200,00

Investimento: Matrícula de R$1.300,00 + 23 mensalidades de R$1.300,00

O Mestrado em Desenvolvimento Humano (MDH) foi aprovado pelo MEC/CAPES no ano de 2009, tendo iniciado sua primeira turma em março de 2010.

O desenvolvimento humano é o objetivo de pesquisa e de estudo do mestrado em Desenvolvimento Humano. O curso mostra a perspectiva de que o homem é um ser ativo em suas relações em diferentes ambientes, como a família, o trabalho, a escola e a comunidade. O ser humano participa das inter-relações em diversos lugares e também pode influenciar o contexto imediato de ambientes nos quais não está presente ativa e diretamente. Os ambientes estão imersos no macrossistema, que corresponde aos padrões globais de ideologias, de crenças, de formas de governo e de culturas presentes no cotidiano das pessoas.

O curso conta com um corpo docente formado por doutores, com experiência em docência, em orientação acadêmica e com publicações significativas na área. Os professores são envolvidos em projetos de pesquisa com financiamento externo de agências de fomento.

OBJETIVOS
Formar pesquisadores, gerar conhecimentos a partir de um olhar interdisciplinar e analisar a construção das identidades individual, social e profissional. Investigar e refletir sobre os ambientes de formação, suas formas e seus contextos e apontar as contribuições para o desenvolvimento humano. Incentivar a interlocução e o intercâmbio com programas de pós-graduação e com equipes de pesquisa nacionais e internacionais, que enfatizem a América Latina.

ATUAÇÃO
Os profissionais podem seguir a carreira acadêmica, em universidades ou em institutos de pesquisas, além de atuarem como docentes em instituições educacionais públicas, privadas e do terceiro setor. Os trabalhos em políticas sociais permitem a elaboração de diagnóstico e de planejamento de políticas no setor público e privado.

Coordenação: Profa. Dra. Rachel Duarte Abdala

Coordenação Adjunta: Prof. Dr. André Luiz da Silva

 

Local das aulas:
Pró Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação
Rua Visconde do Rio Branco, 210, Taubaté – SP – CEP: 12020-040

Secretaria Unificada dos cursos de pós-graduação:
Rua Visconde do Rio Branco, 210, Taubaté – SP – CEP: 12020-040
Contato: (12) 3625-4218 e (12) 3624-1657
E-mail: posatende@unitau.br

Mais informações:
E-mail: cursospos@unitau.br

  • Contextos, Práticas Sociais e Desenvolvimento Humano

A linha tem foco na investigação dos ambientes imediatos e distantes e mensura as contribuições dos contextos de formação do desenvolvimento humano. Com ênfase no estudo das práticas sociais, os pesquisadores analisam a criação de redes de relações nas quais os indivíduos compartilham significados. O programa publica semestralmente a Revista Ciências Humanas

  • Desenvolvimento Humano, Identidade e Formação

O objetivo desta linha é pesquisar a influência da formação na construção das identidades e das representações sociais do sujeito e seus impactos.

Grupos de pesquisa

Cada linha de pesquisa dá origem a um grupo de trabalho, que reúne os alunos inscritos. Em função das temáticas dos projetos em andamento, outros grupos podem ser formados para estudos específicos.

Dissertação

As normas a serem seguidas para a elaboração da dissertação são definidas pela Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação (PRPPG) da UNITAU. Confira as exigências aqui

Intercâmbios e atividades extracurriculares

O mestrado de Desenvolvimento Humano oferece o estágio docente como uma atividade opcional, que permite aos alunos terem contato com as ações desenvolvidas no Ensino Superior, em um estágio supervisionado.

Os pesquisadores também podem participar de atividades extracurriculares, como a Mostra de Pós-graduação da UNITAU, reuniões de grupos de pesquisas, palestras e de visitas a outras instituições. 

Ementas das Disciplinas MDH – CLIQUE AQUI

Disciplinas obrigatórias

  • Elaboração de Dissertação

Carga horária: 300 horas (20 créditos)

A disciplina é destinada aos trabalhos de pesquisa e de elaboração da dissertação. A inscrição é automática e acontece a partir do segundo trimestre letivo.

  • Epistemologia e Metodologia da Pesquisa Interdisciplinar

Carga horária: 60 horas (4 créditos)

Discute o conceito de interdisciplinaridade e as limitações impostas pela fragmentação disciplinar. Apresenta o delineamento da pesquisa e aborda  a interferência do pesquisador e a construção de hipóteses.

  • Fundamentos de Desenvolvimento Humano, Políticas Sociais e Processos de Formação

Carga horária: 60 horas (4 créditos)

A disciplina exemplifica as grandes linhas teóricas que orientam as pesquisas do programa. O contexto geral das mudanças sociais, políticas, econômicas e culturais das últimas décadas influencia o debate sobre a evolução das políticas sociais no Brasil à luz da crise do Welfare State e das mudanças na organização do trabalho, na constituição da família e nas transformações do processo de formação.

  • Seminários Interdisciplinares I e II

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

Os seminários são um espaço para debater os projetos de dissertação. Os alunos também participam de palestras sobre temas do Desenvolvimento Humano Formação e Políticas Sociais.

Disciplinas optativas

Linha de pesquisa: Contextos, Práticas Sociais e Desenvolvimento Humano

  • Aprendizagem e Gestão do Conhecimento do Adulto

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

Analisa as formas de aprendizagem e de apropriação do conhecimento dos adultos. Temas como Memória e Metacognição serão estudados durante o curso.

  • Contextos de Trabalho e Saúde do Formador

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

A disciplina busca compreender o trabalho e sua repercussão no processo de saúde do indivíduo, que pode gerar uma doença ocupacional e um sofrimento psíquico. Os pesquisadores discutem as teorias e as abordagens dos processos de saúde/doença e de qualidade de vida, e evidenciam as correlações entre os agentes do contexto do trabalho e do desenvolvimento humano.

  • Desenvolvimento Humano: Vida Cotidiana e Processos Culturais

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

A partir do modelo ecológico de desenvolvimento humano, os alunos  discutem os contextos econômicos, políticos e culturais para a formação da sociedade contemporânea.

  • Tópicos Especiais em Educação

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

A disciplina realiza debates com temas relevantes para a área de educação, entre eles políticas públicas para o setor e formação inicial, continuada e inclusiva.

Linha de pesquisa: Desenvolvimento Humano, Identidade e Formação

  • Processos Grupais e Representação Social no Desenvolvimento Humano

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

Após apresentar uma introdução à psicologia de grupos, a disciplina mostra os mecanismos de integração e a dinâmica de evolução dos mesmos por meio de exemplos práticos de estudos realizados.

  • Relações Família-Trabalho-Formação no Desenvolvimento Humano

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

A disciplina apresenta a família como uma instituição social e historicamente constituída e discute o seu papel na formação do indivíduo e as suas influências mútuas com o trabalho na modernidade.

  • Socialização Profissional e Construção Identitária

Carga horária: 45 horas (3 créditos)

Debate a construção dos conceitos de identidade individual, social e profissional na modernidade. A disciplina analisa a formação identitária a partir do processo de socialização. 

 

Link para Normas para elaboração e apresentação de monografias de conclusão de cursos de especialização: Clique aqui

Clique aqui para ver o Corpo Docente.

A Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação (PRPPG) tem como meta incentivar as atividades de ensino e pesquisa desenvolvidas pelos docentes e discentes da Universidade de Taubaté. A PRPPG organiza e regulamenta as atividades de ensino e pesquisa por meio de pareceres da Comissão Geral de Pesquisa e Pós-graduação, composta por representantes do Lato e Stricto Sensu. Elabora planos de ensino e pesquisa, superintende os cursos de pós-graduação lato sensu e stricto sensu, as revistas científicas e os programas de capacitação docente. Promove a seleção do pessoal e a composição das bancas examinadoras e propõe a movimentação do pessoal docente de pós-graduação. Em adição, analisa e aprova a realização de pesquisas com modelos animal, pesquisas laboratoriais e pesquisas clínicas sob a ótica e aval dos Comitês de Ética em Pesquisa Humana e Comissão de Ética no uso de animais.

Pró-reitora: Profa. Dra. Monica Franchi Carniello

Secretaria dos cursos de Pós-graduação
Endereço: Rua Visconde do Rio Branco, 210, Centro, Taubaté-SP
Telefone:  (12) 3625-4226
E-mail: cursospos@unitau.br
Horário de Atendimento: segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 14h às 18h

COMPARTILHE

WhatsApp
Telegram
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email

Orientações para a Carta de intenção

Carta de intenção dirigida à Equipe de Coordenação contendo:

  1. A Linha de pesquisa de interesse;
  2. Motivação de interesse em cursar o Mestrado em Desenvolvimento Humano da Universidade de Taubaté
  3. O tema que pretende desenvolver;
  4. Intenção de participação em grupos de pesquisa;
  5. Descrição da participação em congressos, seminários e afins;
  6. Descrição da produção bibliográfica (publicação de artigos em periódicos, capítulos de livros, etc).
  7. Indicação de três docentes para a orientação, após pesquisar os docentes do programa (Acessar Corpo docente)

 

Formatação:

Fonte: Times New Roman, tamanho 12; justificado; espaçamentos 1,5
Margens: esquerda e superior: 3,0 cm; direita e inferior: 2,0 cm
Máximo 3 páginas

Tenho Interesse







    Skip to content